Críticas de HQ

A Revolução dos Bichos, de George Orwell & Odyr | Crítica da HQ

Compre o livro na Amazon

Não é de hoje que os clássicos da literatura são adaptados (inúmeras vezes), e não foi diferente com A Revolução dos Bichos, de George Orwell, que recebeu uma versão ilustrada pelo artista brasileiro Odyr.

Outro assunto que também não é novidade e está presente no mundo há séculos, é o fascismo. Nessa metáfora usada por Orwell, os bichos de uma fazenda se rebelam contra o fazendeiro e decidem tomar conta do poder.

E é a partir daí que vemos como nascem os governos tiranos, e o como a ficção está bem próxima da realidade. Pode-se afirmar que cada ato dentro da história tem um fundo realista, mesmo envolvendo animais falantes o autor passa uma mensagem real, usando metáforas.

As ilustrações também são uma ótima forma de conhecer a história, sem precisar ler. Em sua maioria, as páginas carregam tantos detalhes desenhados que apenas interpretando as imagens é possível entender. Porém, como é uma versão ilustrada, e não uma história em quadrinho de fato, o livro ainda contém bastante texto.

Os personagens em si não são tão memoráveis, até porque o principal assunto está na Granja como um todo. Porém, é nítido que alguns se destacam mais que outros, e cada um, ou cada espécie, tem sua própria importância dentro da história.

As críticas sociais feitas por Orwell há quase 1 século se encaixam perfeitamente em nossa realidade atual. Dessa forma é impressionante perceber que ele soube transcrever algo atemporal, mas é triste saber que ainda caímos nas mesmas armadilhas, e acabamos com os mesmos problemas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *